2º Dia – Passeio de Jardineira pelas Dunas e Barco no Rio Jaguaribe



Acordamos cedo para o primeiro dia de passeios em Canoa Quebrada. O café da manhã no Hotel Long Beach já estava sendo servido. As frutas estavam parecendo que foram banhadas em açúcar, de tão doce que estavam. Na mesa, as diversas opções de pães, frios, folheados doces e salgados, além de comidas típicas como o cuscuz e três opções de bolos era o convite perfeito para carregar as baterias para as atividades do dia.

Café da manhã do Hotel Long Beach Canoa Quebrada

Enquanto aguardávamos o bugueiro para nos levar até a Agência Canoa Viagens, aproveitamos para conhecer as áreas externas do hotel e tirarmos algumas fotos. Nos surpreendemos com o Residencial Long Beach, que também faz parte do hotel e fica situado ao lado da área social, e conta com 22 apartamentos luxo, piscina olímpica e bar no jardim para que você possa desfrutar de um final de semana super relaxante no melhor hotel de praia de Canoa Quebrada.

A cor avermelhada se destaca e cria um clima todo especial com o azul da piscina e o verde do lindo jardim em volta. É mais uma opção de hospedagem com vista para o mar e ótimos preços.

Residencial Long Beach – Canoa Quebrada

Passeio de Jardineira e Barco até o Rio Jaguaribe

Assim que nosso bugue chegou fomos direto para a agência Canoa Viagens onde demos início ao passeio de jardineira até o Rio Jaguaribe. O passeio começa na famosa “Broadway” e vai em direção às praias, onde percorremos toda sua extensão até as margens do rio. No caminho, passamos pelo parque eólico com diversos cata-ventos que captam a energia e distribui para diversas cidades em todo o Brasil. Nossa guia informou que neste local não é permitido que os turistas tirassem fotos. Como assim? Uma área aberta à visitação turística, e proibir o uso de máquinas? É claro que essa regrinha ninguém respeitou. Apenas escondemos as máquinas quando passávamos onde tinham técnicos trabalhando no local.

A primeira parada foi no topo de uma enorme duna. Lá pudemos fotografar toda a região, que possui um rico ecossistema que inclui: mangue, floresta, deserto e mar. Um dos momentos mais divertidos do passeio onde é possível pular da duna e descer correndo até a sua base. A imensidão do lugar nos faz parecer pequenas formigas quando vemos as pessoas lá embaixo. É muito bonito mesmo.

Foto tirada no meio da duna

Enfim, após quase 1h de percurso, chegamos até o Rio Jaguaribe, onde fomos conduzidos até um barco que nos levaria até o seu encontro com o mar. O passeio é bastante relaxante e contemplativo, com vários momentos de fotos incríveis. Em apenas 20 min chegamos ao encontro com o mar e mais uma bela vista nos esperava: o parque eólico do outro lado do rio. É como ver o Rio de Janeiro estando em Niterói.

O barco para praticamente em cima da areia
Parque eólico visto do outro lado do Rio Jaguaribe

Uma parada de mais 20 min para banho em águas mornas, calmas e transparentes, e voltamos para o barco para retornarmos até a jardineira. Mas antes, fomos beirando o rio pela margem direita, onde grandes empresários de Fortaleza, do Brasil e do mundo possuem mansões incríveis, uma delas até com helicóptero.

De volta à jardineira, a próxima parada foi uma lagoa de água doce em meio às dunas.  Um momento raro devido as grandes chuvas do fim de abril que foram suficientes para criar diversos oásis como este escondido entre as dunas. Momento perfeito para tirar o sal do corpo e apreciar mais uma vez aquela vista belíssima.

Almoço na Barraca Chega Mais em Canoa Quebrada

Já se aproximava do meio-dia e a fome estava batendo. Por fim, a jardineira retornou para a vila e fomos conduzidos até a Barraca Chega Mais para almoçar, que fica na areia da praia e é palco de uma das vistas mais bonitas da vila. No mar, diversos praticantes de windsurf e kitesurf davam show bem a nossa frente. Como a barraca possui dois andares, é claro que ficamos de camarote para esse espetáculo. Mas a fome era grande e seguindo a sugestão do garçom, escolhemos o Peixe na Telha para experimentar. Sem palavras para descrever seu sabor. Chega a dar água na boca só de lembrar.

Durante o passeio fizemos amizade com um casal de Niterói, Felipe e Giselle, e acabamos todos almoçando juntos. Tivemos também a oportunidade de conversar com o Wando, o gerente da barraca que é um grande conhecedor de tudo que é bom na região e nos deu altas dicas. Aproveitamos para marcar com ele o passeio de bugue que faríamos a tarde e firmarmos mais uma grande parceria.

Bugue rosa! Essa é a técnica pra atrair a mulherada

Foi só o tempo de conversarmos um pouco e o bugue já estava nos esperando para o passeio às dunas. Sabe aquela frase: “com emoção ou sem emoção?” Pois é, era esse o passeio que nos aguardava. Ah, o casal também nos acompanhou nessa aventura.

Passeio de Bugue até as Dunas

Logo no início somos apresentados a parte histórica de Canoa Quebrada, com suas igrejas, praças e ruas principais. Em seguida, a primeira parada é a maior duna da região, aonde todos vão ao final do dia para assistir ao Pôr-do-Sol. Mas falarei melhor dela nos próximos parágrafos. Fizemos apenas uma rápida parada para fotos e demos continuidade ao passeio.

O primeiro momento de emoção foi no susto. Sem esperar, chegamos ao fim de outra duna e um frio na barriga anunciava a primeira descida de mais de 50 metros. Uma delícia.

O sky-bunda visto de cima. Pura adrenalina!

A próxima parada foi a tirolesa e o “ski-bunda”. Estávamos novamente no topo de outra enorme duna, com uma vista incrível para os cata-ventos do parque eólico, e um grande lago de água doce lá embaixo. Quando fomos questionados quem desceria primeiro, sem nem pensar duas vezes já me prontifiquei logo. Sim, fui o primeiro.

O cara pergunta: “E aí brother? Leve, médio ou rápido?” Minha vontade era responder “rápido”, mas preferi ir no “médio” para provar. E não me arrependi. Com toda aquela vista a minha frente, nem dá pra pensar em nada. Me joguei e curti cada segundo até cair na água, que estava uma delícia por sinal.

Lá de baixo, é possivel subir com uma espécie de “plano-inclinado”, parecido com o de Salvador, pagando apenas 1 real. São 4 reais por cada descida. Então faz as contas. Apenas 5 reais por um momento único na sua vida.

Aproveitei para pedir a máquina e fazer algumas imagens lá de baixo também. E lógico que em seguida subi novamente para uma nova descida. Esse passeio deveria ser uma obrigação para os turistas que visitam Canoa Quebrada. Ah, quase ia me esquecendo de falar das barracas que vendem bebidas e lanches rápidos lá em cima. E tem também o ski-bunda, que optei por não fazer pois achei “sem emoção”, rsrs. É um lugar que dá para passar horas se divertindo.

Esse é o famoso sky-bunda de Canoa Quebrada

Mas se você acha que acabou, engano seu. Na volta pro bugue, era a hora de descer aquela mesma duna em alta velocidade e com muito mais emoção! Sim, só que desta vez motorizados. Na minha opinião, acho que todos deviam pedir sempre “com emoção”. Um pouco de adrenalina faz bem ao coração e nos faz sentir mais vivos.

Esse foi sem dúvida o momento de mais aventura do dia. Mas o auge do passeio ainda estava por chegar. Nessa época do ano, o sol por aqui se põe mais cedo e era preciso voltar correndo para a duna mais próxima da vila para assistir ao pôr-do-sol.

Chegando lá, uma surpresa. A duna estava repleta de gente que já esperava por um dos mais belos espetáculos da natureza. Moradores locais e turistas procuravam um canto para se sentar e aguardar o momento tão esperado, se misturando a bugues e carros, ao som de Bob Marley tentando criar um clima único. E foi.

Pôr-do-sol na duna em Canoa Quebrada

Em questão de minutos o sol tomou uma tonalidade que só estando lá para ver. Ele se põe bem na direção dos cata-ventos que dão um toque ainda mais especial ao show do astro rei. Foi nosso primeiro pôr-do-sol em Canoa Quebrada, e acredito que tenha sido o de muitos também. No fim, devagar e de forma aleatória, os casais e grupos de amigos retornam a vila extasiados com o momento que acabamos de ver. Nós também.

No término do passeio, o bugueiro nos levou de volta ao hotel, onde aproveitamos para curtir um pouco da piscina. A noite tinha acabado de cair, mas o calor do dia ainda deixava suas águas aquecidas, perfeitas para o banho. E convenhamos, é impossível resistir a um mergulho nas piscinas do Hotel Long Beach. Vejam as fotos. Tenho certeza que irão concordar.

Iluminação especial da piscina do Long Beach Canoa Quebrada

Passeio pela “Broadway” e jantar no Restaurante Cabana

Tomamos um banho e fomos conhecer a famosa Broadway Cearense, mais especificamente, em Canoa Quebrada. É onde tudo acontece na vila. Bares, boates, lojas, artistas, agências, pousadas e restaurantes.

Aproveitamos para comprar pequenas lembranças e fomos jantar no Restaurante Cabana, que fica mais pro finalzinho da rua principal. Um lugar estratégico com muitas paradas tentadoras. Dá vontade de comprar tudo. Os artesanatos são de artistas locais ou vindos de outros estados. É legal ver que Canoa Quebrada acolhe como seus próprios filhos toda essa gente que vai tentar a sorte por lá.

Restaurante Cabana – Canoa Quebrada

Já no restaurante, fomos recebidos pelo Tiago que nos atendeu e prontamente providenciou uma mesa na área mais ventilada. Mais uma vez seguindo a sugestão da casa, resolvemos provar dois pratos diferentes: Peixe Grelhado com Legumes e Camarão Grelhado com Batata Sotê. Ambos muito bem temperados e super bem servidos.

Frutos do Mar no Jantar do Restaurante Cabana – Canoa Quebrada

Não conseguimos encontrar com a proprietária, Dna Francisca, que contatamos desde o RJ e fizemos as reservas. Mas fica o nosso carinho e agradecimento por nos receber tão bem e proporcionar momentos gastronômicos tão especiais.

De volta ao hotel, fomos direto para o quarto e aproveitamos para tentar dormir cedo. O primeiro passeio do dia seguinte sairia às 8hs da manhã devido a tábua de marés. Explicarei melhor sobre isso mais a frente. Era hora de aproveitar o WI-FI grátis para enviar notícias para casa, para os amigos e para os seguidores do site e blog, via Twitter e Facebook. Tudo pronto, e cama!

Hotel Long Beach
http://www.longbeachcanoa.com
http://twitter.com/#!/hotellongbeach

Canoa Viagens
http://www.canoaviagens.com.br

Barraca Chega Mais
http://www.barracachegamais.com.br

Restaurante Cabana

Associação dos Bugueiros de Canoa Quebrada
http://www.canoabuggy.com.br



Essa dica foi útil para você? Por favor, então deixe um comentário e compartilhe também nas suas redes sociais. Este blog é feito com muita dedicação e seu apoio/participação realmente nos ajudará a mantê-lo no ar.



TOP 6 DICAS PARA ECONOMIZAR NAS VIAGENS

  • SEGURO VIAGEM - Não faça a besteira de viajar sem um Seguro de Viagem. Na Europa é obrigatório! Faça uma cotação online para ver o quanto é barato viajar tranquilo. Pague no cartão de crédito em até 12x ou com desconto no boleto bancário. Use nosso cupom: VIAGENS5 para um desconto extra de 5%.

  • HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com que garante os melhores preços de hospedagem em qualquer lugar no mundo! Você reserva antecipado, pode cancelar e alterar quando quiser. Faça a sua reserva através do nosso link.

  • CHIP DE CELULAR - Já saia do Brasil com seu Chip Internacional 4G funcionando. Tenha conexão em mais de 140 países para usar o Whatsapp, redes sociais e GPS. Já usamos o chip da EasySIM4u em diversos países e aprovamos.

  • GANHE 179 REAIS! - O Airbnb é a melhor maneira de alugar casas e apartamentos em locais únicos, com preços para todos os bolsos. Ganhe R$179 de desconto na sua primeira reserva. Aproveite!

  • ALUGUEL DE CARRO - Faça aqui sua cotação online entre as melhores locadoras no Brasil e no mundo. A RentCars é nossa parceira e oferece os melhores preços, em reais e sem IOF, com total segurança.

  • NOSSAS EXPEDIÇÕES - Participe das viagens que estamos organizando com nossos leitores! São roteiros exclusivos com o melhor dos destinos e hospedagens selecionadas. Junte-se aos nossos grupos VIPs e vamos viajar juntos.

LEIA TAMBÉM

Mauricio Oliveira: @http://twitter.com/aventureiros Turista. Viajante. Social Media Marketing. Jornalista. Fotógrafo. Webdesigner. Videomaker. Blogueiro. Empreendedor. CEO do Trilhas e Aventuras e criador de inovadoras ações de marketing de turismo, o BlogTur e o VIPBloggers. Ama o que faz no seu trabalho e nas horas vagas também gosta de viajar. Siga no Twitter e no Instagram, curta no Facebook, assista no Youtube e circule Mauricio Oliveira no Google Plus.

Ver Comentários (8)

  • Maurício, parabéns pelo blog! Está sendo suuuper útil para planejar minhas próximas férias!
    Pelo que entendi o passeio de buggy foi local, certo? Você acredita que dá tempo de fazer no mesmo dia o passeio de jardineira + barco + buggy para Ponta Grossa?
    Obrigada e muitas viagens ;)

    • Oi Patricia, não dá tempo não. Ambos são passeios demorados. O ideal é fazer em 2 dias mesmo. Bjs

  • Maurício, muito muito irado o blog...estava penando para poder montar um roteiro e você tem um prontinho,,,rsrsrs Canoa com os passeios de jardineira e buggy será certíssimo no meu roteiro. porém, estava meio preocupado, sem saber se daria tempo de curtir os dois no mesmo dia...(pois ficarei somente 1 dia/noite em canoa)
    Maurício, de Canoa tem passeios de buggy para morro branco / fontes? queria curtir um dia no passeio de buggy nessas praias pois vi em outro dia de seu roteiro que você conheceu essas praias no off road para fortaleza, dá para curtir morro e fontes no off road?

    • Oi Rafael, dá pra curtir sim. Morro Branco e Praia das Fontes estão no roteiro do off road. Você não vai passar o dia todo lá, mas dá para conhecer o basicão e fazer boas fotos. Eu super recomendo. ;D

  • Oi Mauricio, estou adorando o seu blog!
    Vou para Fortaleza, Canoa quebrada, Jeri e Natal em novembro (15 dias). Gostaria de saber quantos dias vc indica ficar em cada lugar?
    E da pra fazer o passeio do rio jaguaribe e o de buggy no mesmo dia em Canoa? Vi que vc fez e por isso queria te perguntar se é muita coisa ou se é tranquilo...
    Obrigada, Marina

    • Oi Marina, 15 dias era exatamente o tempo que eu queria ter ficado para curtir ainda mais estes 3 destinos. Como cada lugar é bem diferente um do outro, fica um pouco difícil de responder com exatidão sem te colocar numa furada. Eu amei os 3 destinos, mas eu ficaria menos tempo em Fortaleza para poder curtir mais os outros dois destinos. Perto de Canoa tem Morro Branco e a Praia das Fontes que são imperdíveis. E indo para Jeri tem vários locais deliciosos para curtir 1 dia inteiro, como por exemplo Cumbuco e Lagoinha.

      Sobre esse roteiro do Rio Jaguaribe e o passeio de Buggy no mesmo dia, é bem possível sim. É corrido, mas dá tempo de curtir a vontade e ainda pegar o pôr-do-sol no fim do dia.

      Agradeço o seu contato e volte para nos contar o que achou das nossas dicas na organização da viagem. ;)

  • Ponnrraarrr! Inveja branca, viu!
    Tão perto de casa e ainda não fui.
    Vou ter que marcar uma trip pra breve! Lindas fotos. Parabéns meu parceiro.

  • Adorei. Canoa Quebrada pode me esperar! E esse hotel e toda essa comida! Que delícia! Muito boa reportagem. Parabéns!