Foi minha primeira vez em BH e queria ver as principais atrações da cidade. Todo mundo já passou por essa mesma situação e quer sempre aproveitar o máximo que pode no menor tempo possível, não é mesmo? Conheci algumas coisas bacanas durante minha viagem e vou compartilhar com vocês o que fazer em Belo Horizonte, num fim de semana simples ou prolongado.

Mas posso falar um pouco mais sobre minha paixão por Minas Gerais? Ô terra gostosa, sô! Além de respirar cultura e história, os mineiros são pura simpatia e estão sempre prontos para trocar uma prosa tomando um café ou uma cachaça (e isso eles sabem fazer muito bem). Além das dicas que darei abaixo, tente aproveitar os barzinhos da cidade a noite, que estão sempre fervendo de gente bonita e bacana.

Praça da Liberdade - Um dos cartões-postais de Belo Horizonte
Praça da Liberdade – Um dos cartões-postais de Belo Horizonte

É como eles mesmos dizem: “Se não tem mar, vamo pro bar”. Então chega de papo furado e… partiu Bêagá!

O que fazer em Belo Horizonte

Museu de Arte da Pampulha – Antigo Cassino da Pampulha, o MAP faz parte do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, e enfoca tendências artísticas variadas. No seu acervo de mais de 1600 obras, mostras da Arte Contemporânea brasileira, que enfocam variadas tendências artísticas, estão as de Guignard. O prédio é uma das obras de Niemeyer que se complementa com a Igreja de São Francisco de Assis, a Casa do Baile da Pampulha e o Iate Clube. Burle Marx assina os jardins externos, que são decorados por três esculturas (de Ceschiatti, Zamoyski e José Pedrosa).

Igrejinha de São Francisco de Assis – Um dos cartões-postais de Belo Horizonte, é também conhecida como Igrejinha da Pampulha. É de cair o queixo uma obra tão preservada de Oscar Niemeyer, com incríveis painéis de Cândido Portinari e jardins de Burle Marx às margens da Lagoa da Pampulha. Um trio de ouro que você não pode perder em Belo Horizonte. No interior há uma exposição permanente do artista que pode ser apreciada pagando uma entrada bem baratinha. Um programa para toda a família.

Praça da Liberdade – A praça fica bem na região central de Belo Horizonte e está rodeada de igrejas e museus incríveis que contam um pouco da nossa história. Um passeio a tardinha é sempre agradável e vale a pena ser feito, principalmente nos fins de semana. O caminho de palmeiras imperiais, o chafariz com estátuas de mármore, o lago espelhado e o coreto mostram o quanto a Praça da Liberdade é bem preservada. Vale lembrar que toda segunda-feira os museus estão fechados.

Parque das Mangabeiras – A melhor vista aérea que você terá de Belo Horizonte, principalmente no pôr do sol, é do Mirante do Parque das Mangabeiras. Depois de passar por uma reforma recente ficou ainda mais agradável. Para uma visita rápida é suficiente, mas se você desejar ficar mais tempo é bom levar um lanche e água, pois não tem nenhum lugar pra compra (apenas ambulantes).

Mercado Central – Programa imperdível para quem estiver em BH. O Mercado Central reúne inúmeros estandes onde é possível encontrar um pouquinho de cada canto de minas. Desde plantas, carnes, queijos, temperos, frutas, legumes, ervas, artesanato, e porque não uma cerveja gelada acompanhada com petiscos locais? Ótimo para reunir os amigos e curtir sem hora pra ir embora.

Dica de onde ficar em Belo Horizonte

Viajar para Belo Horizonte é conhecer uma das cidades mais hospitaleiras do Brasil! A cada bairro, uma nova descoberta. Cultural e/ou gastronômica. Na rua, no buteco, no parque, à beira da Lagoa da Pampulha, qualquer lugar é lugar para uma boa conversa com qualquer belorizontino. Até mesmo no bar do lobby de um hotel.

Ficamos hospedados no Ibis Styles Pampulha, um hotel barato, confortável e charmoso durante nossa viagem a Belo Horizonte. Atualmente ele mudou seu nome para Nobile Inn Pampulha, mas o conceito continua o mesmo. Clique nas fotos para ampliar a galeria.

Localizado a apenas 2 km da Lagoa da Pampulha, o Ibis Styles tem seus quartos coloridos e confortáveis, dispondo de TV, ar-condicionado e frigobar, com banheiros privativos e decoração “moderninha” e animada. A recepção é 24 horas, o estacionamento privado é disponível por um custo adicional na diária, e o Wi-Fi é grátis (e bom!) em todo o hotel.

O café da manhã é bem gostoso e possui delícias da gastronomia mineira, como o delicioso pão de queijo, bolos diversos e doce de leite. O lobby é um convite a prosear a beira do bar que tem sempre um happy hour bacana acontecendo. Ambos vão te dar energia para descobrir o que fazer em Belo Horizonte.

Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte
Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte

Adoramos ficar no Ibis Styles Pampulha, mas se estiver procurando outros hotéis em Belo Horizonte, dê uma olhada nesse link também.

Booking.com
Priority Pass

LEIA TAMBÉM

Deixe seu Comentário